e se a semana de trabalho tivesse 4 dias e não 5?

esta ideia assalta sempre os meus pensamentos, invariavelmente em dias como hoje, quartas… porque é que durante a semana não temos um dia de descanso? porque que não fazemos esse dia de descanso à quarta-feira?

quarta-feira é o dia que está no meio da semana, é o dia em que estamos a meio da semana de trabalho, semana tradicional, e é nesse dia que me sinto mais desgastado e sem energia para continuar. se tenho uma quarta-feira má o mais certo é que a última metade da semana fique estragada. não queremos isso, não queremos quintas-feiras chatas bem sextas aborrecidas. por outro lado as segundas e as terças são momentos de produtividade máxima, e só percebo que aconteça pelo facto de me sentir descansado, então porque não parar um dia extra, à quarta-feira, para encarar a quinta e sexta como outros dois dias super produtivos?

o ensino francês faz isso com as crianças. dá-lhes a quarta-feira para descansarem, para se reorganizar a semana e voltarem para as aulas “com pica”. se são crianças, fazem-nos para aumentarem, certamente, os níveis de concentração e atenção nas aulas. não é isso que queremos nas empresas?

escrevi no google: 4 days work week

os resultados variam de vídeos no youtube com casos de sucesso e muitos artigos escritos de empresas que praticam esta estratégia com os seus colaboradores. trabalhar 4 dias por semana é melhor para o trabalho. os trabalhadores estão mais contentes, focados, descansados, decidem melhor, etc.

imagina se tu pudesses tirar a quarta-feira para relaxar, mesmo que queiras pensar no trabalho, mas não tens reuniões demoradas e chatas, colegas a pressionar-te só porque sim, não há aquele barulho ensurdecedor de open space, clientes não te telefonam a interromper as tuas tarefas, etc.

imagina-te, pensa no que fazias às quartas se as tivesses só para ti… o que farias?